terça-feira, 6 de outubro de 2015

Cais

Foto: Tadeu Rodrigues

E se estamos longe,
vejo uma ilusão completa
às escondidas 
com os nossos pecados 
mais íntimos.
[Mas]
Se num dia como hoje,
necessários um ao outro,
assim como sinto,
certo,
nosso encaixe abraçaria o mundo.
Tornando-nos meros coadjuvantes
Do protagonismo sincero 
Da poesia.
Do protagonismo sincero 
Dos becos.
Do protagonismo sincero
Do amor.
Nós,
Protagonistas clandestinos;
Coadjuvantes principais
Do nosso cais.

Tadeu Rodrigues
Jericoara/CE

Nenhum comentário:

Postar um comentário