quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Sala de espera

Autoria desconhecida

Espero demais
Quando espero você.
Ao menos uma beira
ou uma forma esquecida;
Um soneto displicente
ou um toque de amor à vida.
Desacordo
enquanto espero.

Tadeu Francisco
jan/12

Um comentário: