sexta-feira, 27 de maio de 2011

Nobre mãe

Pintura MATERNIDADE de Almada Medeiros

De tudo que levo
o seu aconchego me basta.
- Querido anjo,
ensina-me a cuidar
do seu doce encanto.
- Querido pé,
ensina-me a nunca perder a fé.
Nobre mãe,
estilhaço da minha estrada
longa, incerta, intensa.

Tadeu Francisco
maio/11


Um comentário:

  1. A tela é MATERNIDADE de Almada Medeiros, poeta, e pintor português.

    ResponderExcluir