segunda-feira, 11 de abril de 2011

Sobre correntes


E por aí,
por morosidade em pregos,
prega-se;
paga-se.
E se sinto que acabou,
toma-me a força,
esbarrando nos punhos.
O meu elo se sobrepondo
como as correntes;
nada coerentes.

Tadeu Francisco
abr/11

*Ps: quadro de Pablo Picasso, "Duas mulheres correndo na praia", 1918.

Nenhum comentário:

Postar um comentário