segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Traga-me


Vou só,
voo só,
só vou.
Venha só
e traga-me,
como um cigarro,
como pó.

Tadeu Francisco
jan/11

Nenhum comentário:

Postar um comentário