terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Sem natal


Queria um futuro de brinde,
sem barbas, sem cores, sem ilusões,
mais luz, menos sinos.
E o presente?
Só o agora.

Tadeu Francisco
dez/10

Nenhum comentário:

Postar um comentário